17 de abril de 2010

Reunião de Catequistas

ORAÇÃO INICIAL:

Senhor nosso Deus,

Biblia1(1024x768)Nós te agradecemos por esta reunião, por este reencontro, pela beleza das graças que, de graça, recebemos de Ti incessantemente.

Por Tua presença em nossas vidas, silenciosa, porém certa e constante.

Te agradecemos Senhor, porque, iluminados pelo Espírito Santo, estamos de alguma forma trabalhando na obra da construção do Teu reino, evangelizando e proclamando com fé que o Senhor Jesus é verdadeiramente o Messias que nos liberta, que nos salva, que nos faz irmãos e nos une em nossa pastoral.

Graças Vos damos porque, através de Teu Filho Jesus, Tu nos revelas que o mal se vence com a força do amor.

Fortaleça nossa fé e dá-nos um coração de verdadeiros discípulos: manso e humilde, com os ouvidos abertos à voz do Mestre, comprometidos com os valores que o Senhor Jesus viveu e ensinou.

Que estejamos sempre prontos a proclamar com nossos lábios e ações a esperança que vem da vida, dádiva maior que recebemos de Ti.

Ajuda-nos Senhor, hoje e sempre, a prosseguir sorrindo, mesmo que a tristeza nos cerque.

A prosseguir perdoando, apesar de só enxergarmos o rancor.

A prosseguir confiando apesar das decepções.

A prosseguir apostando na vitória apesar das ameaças de fracasso.

A prosseguir perseguindo os acertos mesmo que só nos apontem nossos erros, que sabemos que são muitos.

A prosseguir ajudando mesmo que só ouçamos sobre a ingratidão.

A prosseguir acreditando na prosperidade mesmo só ouvindo falar de miséria.

A prosseguir acreditando na reconstrução por mais que só vejamos destruição.

A prosseguir semeando o bem mesmo que à nossa volta só se plante o mal.

Que prossigamos sempre na verdade por mais que só nos contem mentiras.

Que Teus filhos catequistas persigam os objetivos da catequese e valorizem cada vez mais o espírito de comunidade.

Tudo isso Te pedimos, Senhor, porque acreditamos em Ti.

Porque prometeu nunca nos abandonar e tens sido fiel a esta promessa.

Glórias e louvores a Ti, Senhor.

Amém.

CANTO:

Me chamaste para caminhar na vida contigo,

decidi para sempre seguir-te, não voltar atrás.

Me puseste uma brasa no peito e uma flecha na alma,

é difícil agora viver sem lembrar-me de Ti.

Te amarei, Senhor (bis), eu só encontro

a paz e a alegria bem perto de Ti (2x)

Eu pensei muitas vezes parar e não dar nem resposta.

Eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de Ti,

mas Tua força venceu e ao final eu fiquei seduzido.

É difícil agora viver sem saudades de Ti.

Refrão

Ó Jesus, não me deixes jamais caminhar solitário,

pois conheces a minha fraqueza e o meu coração.

Vem ensina-me a viver a vida na Tua presença,

no amor dos irmãos, na alegria, na paz, na união.

Refrão

LEITURA BÍBLICA:

  • O retrato da comunidade ideal aparece em Atos 2, 42-47: eles eram perseverantes em ouvir o ensinamento dos apóstolos, na comunhão fraterna, na fração do pão e nas orações…

“Perseveravam eles na doutrina dos apóstolos, na reunião em comum, na fração do pão e nas orações.

De todos eles se apoderou o temor, pois pelos apóstolos foram feitos também muitos prodígios e milagres em Jerusalém e o temor estava em todos os corações.

Todos os fiéis viviam unidos e tinham tudo em comum.

Vendiam as suas propriedades e os seus bens, e dividiam-nos por todos, segundo a necessidade de cada um.

Unidos de coração freqüentavam todos os dias o templo. Partiam o pão nas casas e tomavam a comida com alegria e singeleza de coração,

louvando a Deus e cativando a simpatia de todo o povo. E o Senhor cada dia lhes ajuntava outros que estavam a caminho da salvação.”

REFLEXÃO:

  • O que podemos aplicar em nossa comunidade, a exemplo dos Atos dos Apóstolos?
  • Qual a nossa missão hoje como Igreja de Cristo?

DINÂMICA:

(baseada no texto bíblico: 1Cor 12, 12-27)

Título: Qual é o nosso rosto?

Objetivo: despertar a conscientização a respeito de nossa missão como Igreja e na vida em comunidade.

Material: o desenho de um corpo humano, feito em papel ou papelão, cortado em partes: pernas, pés, tronco, braços, mãos (se necessário, cortar os membros em vários pedaços, conforme o número de participantes da dinâmica).

Desenvolvimento:

primeiro passo: a montagem

  • Distribuir as partes do corpo entre os presentes.
  • Pedir às pessoas que, espontaneamente, montem o corpo humano, mas sem a cabeça.

Segundo passo: a partilha

Pedir a todos que falem:

  • Que importância tem cada parte do corpo em nós?
  • O que isso tem a ver com a nossa comunidade, o grupo, a Igreja?
  • Como e onde nós precisamos um do outro?

Terceiro passo: a reflexão

  • O que falta no corpo apresentado? Onde está o rosto?
  • Que rosto têm a nossa Igreja e nossa comunidade?
  • Que rosto têm a nossa juventude, as nossas crianças, nossas famílias e os idosos?

(Colocar o rosto de Jesus no corpo montado)

  • Conhecemos o rosto do Cristo Ressuscitado?
  • Vemos o rosto de Jesus em cada irmão?

Encontrei na internet alguns moldes que podem ajudar a fazer o corpo humano:

corpo corpo2
corpo3 rostojesus

(sugestão do rosto de Cristo)

Encontrei também esta foto, bem parecido com o que eu fiz quando apliquei essa dinâmica, para vocês terem uma noção maior de como fazer:

corpo-humano-03

E para finalizar:

AVISOS

ANIVERSARIANTES DO MÊS

ORAÇÃO FINAL (espontânea)

1 comente aqui:

elanycatequista disse...

Nossa meu anjo. Eu precisava mesmo de um modelo de oração para a nossa reunião, pois a nossa servirá para avaliação e planejamento na próxima sexta feira... Estamos passando por um processo de mudanças e infelizmente algumas pessoas andam muito desanimadas...
Aproveito para pedir as suas orações a nós todas catequistas...
Deus esteja sempre a cada dia conosco. Paz e Bem!